Registrada imagem de raio-x em relâmpago

A página não foi completamente carregada ou o navegador não suporta JavaScript. Textos Assim correspondem às notas.

Cientista registra primeira imagem de raio-x em relâmpagoCientista registra primeira imagem de raio-x em relâmpago. G1, em 29 de dezembro de 2010.

Foto foi feita por pesquisador durante tempestade na Flórida. Câmera usada pesa 680 quilos e tira 10 milhões de fotos por segundo.

Cientistas conseguiram captar raios-x a partir da imagem de um relâmpago. A tecnologia que tornou a foto possível está em uma câmera rápida o suficiente para detectar as radiações. A foto foi tirada durante uma tempestade nos Estados Unidos, fruto da observação do pesquisador Joseph Dwyer, do Instituto de Tecnologia da Flórida, na cidade de Melbourne. O aparelho usado pesa 680 quilos e é capaz de tirar 10 milhões de fotos por segundo. A descarga elétrica foi gerada artificialmente. As informações são do site da revista ‘The Atlantic’. Experimento foi apresentado em encontro de geofísicos. (Foto: Reprodução / The Atlantic).

OBSERVAÇÕES

Ingenuamente, imaginava que a radiação x emitida por um relâmpago deveria seguir o curso traçado pelo raio. O fato da radiação ser emitida de forma precisamente vertical em relação ao ponto de impacto do relâmpago no solo parece bem curioso.

FICHAMENTO

Data: 20101229.

TAGS: Ciência, Fotos.

Acesse Artigos Similares.

_____________________
Entenda melhor qual a relação desse assunto com a ufologia, ou por que ele nos interessa, conhecendo o significado das tags e outros parâmetros de fichamento em Estruturação de Dados.

Críticas, acréscimos ou sugestões, comente ou Entre em Contato.
Caso tenha interesse, saiba COMO CONTRIBUIR com nossas pesquisas.

Comente

COMENTÁRIO

ATENÇÃO: Comentários são públicos. Para manifestações privativas, utilize Nosso Formulário. Comentários desrespeitosos, infundados ou fora de contexto serão removidos.

*

© 2003, 2010-2015. Ufologia Objetiva. Direitos reservados.
Cópias sem fins lucrativos permitidas, desde que citada a fonte.