Fotos de pessoas bizarras do século XIX ainda chamam a atenção pelo mundo

A página não foi completamente carregada ou o navegador não suporta JavaScript. Textos Assim correspondem às notas.

JoJo era um dos prediletos do público

Fotos de pessoas bizarras do século XIX ainda chamam a atenção pelo mundoFotos de pessoas bizarras do século XIX ainda chamam a atenção pelo mundo. Arquivos do Insólito, em 3 de julho de 2012.

Mais de 140 anos depois de realizado, o trabalho do fotógrafo Charles Eisenmann continua chamando atenção pelo mundo.

Nascido em 1855 na Alemanha, Charles já era conhecido em Nova York, quando em 1870 começou a registrar imagens de pessoas com deformações físicas.

Os “cartões de gabinete”, um formato de fotografia muito usado na época, ficaram famosos e passaram a ser colecionados por todos os Estados Unidos.

De acordo com a Galeria Naruyama, que reúne 300 registros do fotógrafo, Charles produziu uma série 700 fotos com pessoas com as mais diversas esquisitices.

Myrtle Corbin, gostava de realçar as quatro pernas

Anões, mulheres barbadas, pessoas andrógenas, deformações genéticas, deficientes físicos, siameses e deformações foram imortalizadas pelas lentes do alemão.

Ainda segundo a Galeria, ao contrário do que acontece atualmente, a maior parte das pessoas com diferenças não eram excluídas ou discriminadas, mas sim admiradas e reconhecidas.

JoJo o Garoto com Cara de Cachorro, um jovem russo com o rosto coberto de pelos devido a uma doença genética chamada hipertricose, era uma das imagens mais famosas e disputadas da coleção.

A Família Peluda Sagrada da Birmânia, na lateral do cartão se lê a assinatura do fotógrafo

Casal de aztecas do México (acima, a esquerda). Algumas das pessoas bizarras eram patrocinadas por famílias ricas e viviam nas mansões de seus patronos para serem exibidos durante festas. Casal de anões (acima, a direita), ao fundo uma imagem falsa para ambientar os personagens, que normalmente eram vestidos com roupas do período vitoriano.

Nem todos os fotografados eram portadores de algum tipo de deficiência (acima, a esquerda). As mulheres barbadas eram temas de várias fotos, todas elas muito apreciadas. Alguns traços eram reforçados com lápis, já que os aparelhos fotográficos não conseguiam captar perfeitamente os modelos.

Fanny Mills (acima) tinha pés gigantes, o pai da moça oferecia cinco mil dólares e uma fazenda completa em Ohio para quem se casasse com a filha.

Charles Eisenmann também tinha uma preocupação especial pela ambientação e caracterização de seus modelos, como pode ser visto acima, a direita..

Myrtle Corbin, a Mulher de Quatro Pernas, novamente acima, a esquerda, chegava a ganhar 450 dólares por semana para se exibir em feiras e apresentações.

Segundo os médicos que a examinaram, as duas pernas presas no abdômen da mulher eram uma má divisão embrionária, que deveria ser sua irmã gêmea.

Ainda de acordo com médicos, a parte que ficou presa no corpo de Myrtle desenvolveu-se completamente e tinha um aparelho reprodutor maduro.

Myrtle foi casada com um médico e teve cinco filhos, alegava-se na época que dois eram de um sistema reprodutor e três de outro, mas os boatos nunca foram comprovados.

Acima, a esquerda, o “bebê peludo” – garota de dois anos fotografada na década de 1870.

Ella Harper (acima) era chamada de Garota Camelo devido aos joelhos, que eram virados para trás, obrigando-a a andar de quatro.

Dudly Foster (acima, esquerda), de cinco anos, pesava apenas 2.2 quilos. O Gigante Routh Goshen (direita), também era conhecido como homem mais alto do mundo, com 2,41 metros de altura.

A exibição de bizarrices era uma atividade conhecida no fim do século XIX e muitos dos modelos de Charles trabalhavam em circos itinerantes que percorriam o país.

A foto acima, tirada por Charles Eisenmann dos gêmeos Chang e Eng, os irmão xifópagos unidos pelo estomago que ficaram famosos no mundo inteiro. Nascidos no Sião, a popularidade dos gêmeos fizeram com que a expressão irmãos siameses ficasse conhecida em várias idiomas.

Atualmente os cartões de Charles ainda são negociados e os exemplares mais raros, se estiverem em boas condições, chegam a valer milhares de dólares.

Fonte: Estado de Minas

FICHAMENTO

Data: 20120703.

TAGS: Ancestralismo, Genética, Inusitado, Perturbações.

Acesse Artigos Similares.

_____________________
Entenda melhor qual a relação desse assunto com a ufologia, ou por que ele nos interessa, conhecendo o significado das tags e outros parâmetros de fichamento em Estruturação de Dados.

Críticas, acréscimos ou sugestões, comente ou Entre em Contato.
Caso tenha interesse, saiba COMO CONTRIBUIR com nossas pesquisas.


Comentários [2, RSS]
  • Muito interessante. Tenho um livro, galeria de curiosidades médicas, que relata quase todos esses casos e como as pessoas viviam. Um livro muito bom para quem gosta do assunto. Mas,ao contrário do que se tenta pregar,eles sofriam muito preconceito e exploração. Podiam viver relativamente bem (em termos de alimentacao e roupas) mas eram escrachados em público, tidos como aberrações. Um filme muito bom sobre isso é o “Freaks”(e,claro, o “Homem Elefante”). Um assunto que nunca cansa!

  • Comente

    COMENTÁRIO

    ATENÇÃO: Comentários são públicos. Para manifestações privativas, utilize Nosso Formulário. Comentários fora de contexto serão removidos.

    *

    © 2003, 2010-2013. Ufologia Objetiva. Direitos reservados.
    Cópias sem fins lucrativos permitidas, desde que citada a fonte.