Estatísticas de Abdução (MAAR, 1997-2005)

A página não foi completamente carregada ou o navegador não suporta JavaScript. Textos Assim correspondem às notas.

Não é fácil obter estatística confiável em ufologia. Geralmente as informações são pouco organizadas e não há rigos metodológico.

O site Malevolent Alien Abduction Research – MAAR (sigla para “Pesquisa Sobre Abduções por Alienígenas Malévolos”, em inglês) informa que disponibilizou, em abril de 1997, um formulário de pesquisa para vítimas de abdução, com uma série de perguntas sobre o assunto. Até abril de 2005, pouco mais de 13.270 pessoas haviam se submetido, o que ofereceu uma série de estatísticas.Abduction Data. O formulário ainda permanece disponível. Aqui. Acessos em 17/12/2011.

A administração do site informa que filtrou a amostra, removendo os formulários duplicados, os avaliados como “obviamente brincalhões”, os que não foram apresentados por declarantes maiores de 13 anos, os originados do mesmo endereço IP, os com endereços de e-mail  inválido e também aqueles que teriam respondido algumas “perguntas chave”, que evidenciariam que o submetedor estaria mentido sobre sua experiência (certamente as de número 28 e 32, veja abaixo).

Após as filtragens, teriam restado 6.900 contribuições, que corresponderiam aos 100% nas estatísticas de cada pergunta, com o site declarando uma margem de erro de ± 4%. Seguem os resultados, em tradução livre, reorganizados de maneira que consideramos contribuir para maior clareza das informações.

Perguntas

Respostas

Sim

Não

Não Sei

1

Intervalo de tempo perdido, no qual você não consegue lembrar o que aconteceu?

56%

33%

11%

2

Mais de um episódio de tempo perdido?

69%

21%

10%

3

Ansiedade ou agitação durante lapsos de tempo?

49%

17%

34%

4

Estouro (som) ao acordar ou ir dormir?

35%

24%

41%

5

Sonhos com alienígenas, voo ou naves espaciais?

77%

20%

3%

6

O sonho de ser perseguido por animais?

56%

32%

12%

7

Sonhos com desastres, terremotos, inundações?

62%

11%

27%

8

Memórias de coisas que não parecem realmente ter acontecido?

31%

33%

36%

9

Acordar com um ruído alto, não se levantar para investigar?

74%

24%

2%

10

Outros sons estranhos ao acordar ou ir dormir? Sons agudos: 25%; Zumbidos: 40%; Vibrações baixas: 35%

11

Alguma vez você já teve uma experiência psíquica?

80%

3%

17%

12

Músculos doloridos sem exercício ou esforço ao acordar?

62%

20%

12%

13

Sentir como se estivesse sendo vigiado à noite com freqüência?

77%

11%

13%

14

Sonhos de estar com alienígenas em sua nave espacial?

59%

7%

34%

15

Dificuldade em ver ou ler material relacionado a UFOs?

73%

16%

11%

16

Desconfortável em discutir o assunto UFO?

65%

30%

5%

17

Você sente que tem capacidade psíquica ou PES (Percepção Extrassensorial)?

82%

3%

15%

18

Já viu fantasmas ou outras experiências de atividade paranormal?

71%

6%

24%

19

Vê luzes de postes de rua queimarem com freqüência ou terem outras anomalias elétricas?

47%1

40%

13%2

20

Ouvir um barulho muito agudo em um ou em ambos os ouvidos?

62%3

38%

0%

21*

Mulheres: frequêntes problemas femininos?

55%4

31%5

13%

22

Homens e Mulheres: Infecções do trato urinário?

7%

65%

28%

23

Homens: qualquer problema com redução na contagem de espermatozóides?

9%

10%

81%6

24

Qualquer cicatriz ou marcas sem lembrar a causa?

72%

6%

22%7

25

Acorda com freqüência na mesma hora durante a noite?

63%8

18%

19%9

26

Você tem distúrbios do sono? Insônia?

49%10

28%

23%11

27

Medo anormal do escuro?

21%12

70%

9%13

28**

Um ser alienígena chamado Verge, da Galáxia Cronos, tem tentando se comunicar com você?

2%14

93%

5%

29

Você já teve algum problema passado com drogas ou álcool?

33%15

25%

42%16

30

Acha que o problema piorou após o sequestro? Dos 33% acima, 20% ficou muito pior, enquanto 4% quase morreu devido a álcool ou drogas.

31

Se o uso de drogas ou álcool mudou significativamente de uma maneira ou de outra por favor, explique brevemente: A maioria dos 33% começou a usar drogas ou bebida muito depois das abduções. Mesmo os que usavam antes, não o faziam de froma habitual. Após descobrirem a abdução, muitos pararam por meio de grupos de apoio ou terapia qualificada.

32**

Você pasoua a ansiar por macarrão com molho de creme de alho depois do seqüestro?

7%17

79%

14%

33

Você é clinicamente diagnosticada com qualquer um dos seguintes distúrbios: (Marque todas que se aplicam – questão adicionada 2001) Fadiga Crônica (38%, sendo 26% mulheres); Distrurbios do Sono (49%); Síndrome da Guerra dom Golfo (7%, sendo 5% mulheres); Fibromialgia (67%, sendo 57% mulheres); Transtorno de Dor Miofacial (29%, apenas mulheres); Epstein Barr (4%, sendo 3% mulheres); Outras Doenças (15%, sendo 11% artrite reumatóide)

33A

Por favor, explique há quanto tempo você teve as doenças acima e se elas se agravaram depois do rapto: Início com raptos (52%, sendo 11% na infância); Inicio na idade adulta, sem causa conhecida (29%); Não sabem como ou quando (19%)

34

Qual o seu sexo? Masculino: 38%; Feminino: 62%

35

Qual é o seu padrão racial? Caucasiano: 25%; Nativo americano (indígena): 20%; Africano: 16%; Bi-racial: 12%; Hispânico: 9%; Asiático: 4%; Oriente médio: 2%; Leste Indiano: 1%; Sem resposta: 9%

36.

Se você acha que seu patrimônio ou raça contribui para a abdução alienígena por favor, explique brevemente.

57%18

14%

29%

37′

Você se lembrar do seu rapto?

30%19

70%

0%

37”

A lembrança de sua experiência é positiva?

18%

67%

15%

38.

Quantos anos você tem? Menos de 13 (não utilizado); Menores de 18 (6%); Enre 19-29 (10%); Entre 30-39 (24%); Entre 40-49 (33%); Entre 50-59% (11); Entre 60-69 (9%); Entre 70-79 (5%); Mais de 80 (1%); Prefiro não dizer (1%)
* O erro na soma deve ser relacionado ao critério de arredodamento.
** Certamente uma das “quetões falsas” usadas como filtro
1. desse, 30% relatam problemas com aparelhos
2. desses, 2% relatam raros problemas com luzes
3. 9% declararam uma ou duas vezes; 32% decalararam com frequência – desses 32%, 15% declararam constantemente.
4. Incluindo histerectomia devido a infecções no útero e câncer. Dessas, 21% tiveram histerectomia antes dos 40 anos.
5. Não mais do que uma leve infecção habitual. Dessas, 2% nunca tiveram problemas
6. Não sabem ou nunca testaram
7. Alguns mencionaram marcas estranhas ao acordar
8. Entre 2h e 4h30min. Desses, 17% disseram que mais de 3 ou 4 vezes por semana. Um caso declarou todas as noites às 03h22.
9. Poucos casos de acordar na mesma hora.
10. Desses, 4% tinham diagnóstico de distúrbios incomum que os impedia de entrar em estágios profundos de sono.
11. Desses, 17% afirmaram acordar com facilidade.
12. 18% apenas depois da abdução ou um pouco antes
13. 3% afirma ter passado por algum episódio de medo noturno
14. 1% declara que outros alienígenas da Galáxia de Cronos.
15. 22% afirma ter superado integralmente o problema
16. Consomem, mas não acreditam ter problemas.
17. 4% afirma apenas alho
18. Razões: crença na capacidade psíquica e em possuir esse fator em várias gerações
19. 9% memória significativa e 22% memória parcial. O erro na soma deve ser relacionado ao critério de arredodamento.

Considerando que o processos de obtenção e processamento das informações ocorreu adequadamente, há uma série de fatores que devem ser considerados na interpretação.

O primeiro, e mais importante, é que as estatísticas refletem o que ocorre com pessoas que se declaram vítimas de abdução, e não com pessoas que tenham efetivamente sofrido o rapto. No âmbito de pesquisa, é importante restar claro que as duas categorias são muito distintas.

O preenchimento livre do formulário e a inexistência de acompanhamento, confirmação e análise individual dos depoimentos implicam que os resultados se referem a declarantes não necessariamente abduzidos.

Os demais fatores remetem a questões metodológicas para a exclusão de depoimentos. É evidente que a intenção dos procedimentos era aumentar a consistência da amostra, mas deve-se ressaltar os seguintes aspectos:

1. Não há clareza no critério adotado para julgar um depoimento como “obviamente brincalhão”, sendo ele subjetivo;

2. Não havia razão para assumir o depoimento de menores de 13 anos como inválido;

3. Não há garantia de exclusão de formulários múltiplos de um mesmo declarante, uma vez que submições podem ser feita por diferentes endereços IP;

4. Formulários de depoentes diferentes podem ter sido excluídos, caso estes tenham os submetidos pelo mesmo endereço IP;

O aspecto 2 somente diminui o universo de pesquisa, que passa a abarcar apenas depoentes que declaram mais de treze anos. Os demais aspectos, em conjunto, mostram a existência de um viés de precisão nos dados. Um outro viés das condições de coleta é o idioma. Salvo alguma ressalva, parece adequado admitir que a maioria dos entrevistados é anglófona, sendo a maior aparte certamente americana (EUA).

Apesar dessas ressalvas, acreditamos que o trabalho tenha seu valor, sendo uma referência razoável das características observadas em pessoas de língua inglesa que se declaram maiores de treze anos e abduzidas.

FICHAMENTO

Data: 20090331.

TAGS: Mente, Sínteses, Ufologia.

Acesse Artigos Similares.

_____________________
Entenda melhor qual a relação desse assunto com a ufologia, ou por que ele nos interessa, conhecendo o significado das tags e outros parâmetros de fichamento em Estruturação de Dados.

Críticas, acréscimos ou sugestões, comente ou Entre em Contato.
Caso tenha interesse, saiba COMO CONTRIBUIR com nossas pesquisas.

Comente

COMENTÁRIO

ATENÇÃO: Comentários são públicos. Para manifestações privativas, utilize Nosso Formulário. Comentários desrespeitosos, infundados ou fora de contexto serão removidos.

*

© 2003, 2010-2015. Ufologia Objetiva. Direitos reservados.
Cópias sem fins lucrativos permitidas, desde que citada a fonte.